Duas Perspectivas

17848484618_6f6c918a59_k
Picture by Arno Hoyer • https://www.flickr.com/photos/128621707@N08/

Samua, Safate, Jigeal, Palti, Gadiel, Gadi, Amiel, Setur, Nabi e Geuel??? Provavelmente você já tenha ouvido estes nomes, mas dificilmente saiba quem são. Porém, com certeza, sabe quem são Josué e Calebe!

Todos estes homens num determinado momento de suas vidas estavam diante da mesma promessa de Deus e do mesmo desafio. Mas porque conhecemos os nomes e os feitos de Josué e Calebe e sequer sabemos os nomes dos outros dez???

A resposta é mais simples do que gostamos de admitir: Porque suas perspectivas eram diferentes!

Em Números lemos:

NM 13:25 | “25 Ao cabo de quarenta dias, voltaram de espiar a terra, 26 caminharam e vieram a Moisés, e a Arão, e a toda a congregação dos filhos de Israel no deserto de Parã, a Cades; deram- lhes conta, a eles e a toda a congregação, e mostraram- lhes o fruto da terra. 27 Relataram a Moisés e disseram:Fomos à terra a que nos enviaste; e, verdadeiramente, mana leite e mel; este é o fruto dela. 28 O povo, porém, que habita nessa terra é poderoso, e as cidades, mui grandes e fortificadas; também vimos ali os filhos de Anaque. 29 Os amalequitas habitam na terra do Neguebe; os heteus, os jebuseus e os amorreus habitam na montanha; os cananeus habitam ao pé do mar e pela ribeira do Jordão. 30 Então, Calebe fez calar o povo perante Moisés e disse:Eia! Subamos e possuamos a terra, porque, certamente, prevaleceremos contra ela. 31 Porém os homens que com ele tinham subido disseram:Não poderemos subir contra aquele povo, porque é mais forte do que nós. 32 E, diante dos filhos de Israel, infamaram a terra que haviam espiado, dizendo:A terra pelo meio da qual passamos a espiar é terra que devora os seus moradores; e todo o povo que vimos nela são homens de grande estatura. 33 Também vimos ali gigantes (os filhos de Anaque são descendentes de gigantes), e éramos, aos nossos próprios olhos, como gafanhotos e assim também o éramos aos seus olhos.

Após espiar a terra, estes homens voltam com dois relatos diferentes, de um lado Calebe (v.30) está certo de que a terra é deles e de que prevalecerão; do outro, os demais homens (v.31) declarando que seus inimigos são mais fortes do que eles.
Mas, se todos eles viram a mesma terra porque divergiram tanto em suas opiniões? Sim! Suas perspectivas eram diferentes.

Enquanto o coração de Calebe (e Josué) estavam confiados em Deus e em suas promessas, os demais preferiram enxergar o que era natural — suas limitações, as circunstâncias e a aparente força dos povos daquela terra!

Quando permitimos que nosso coração seja enganado pelo que é natural, limitado apenas pelo que nossos olhos enxergam, isto não traz consequências apenas para nossas vidas, mas contamina também os que nos cercam e, principalmente, os que dependem de nós. Após as declarações daqueles homens toda a congregação se abateu, murmurou e se voltou contra suas autoridades e contra o Senhor (NM 14:1–2 | 7–10) e seu destino não foi ainda mais trágico porque Moisés intercedeu por eles diante do Senhor.

Nossos desafios são tão grandes quanto imaginamos que eles são!

Calebe e Josué foram tomados pela ousadia de Deus; os demais, pelo medo! E o medo é uma das armas mais poderosas do inferno contra o povo de Deus! Através do medo, os filhos do Senhor são paralisados e convencidos de que eles não são quem Deus diz que são. A estratégia do inferno passa pela deturpação da imagem que temos de Deus e, consequentemente da imagem de quem somos nEle!

Em Provérbios encontramos a chave para compreendermos isto:

PV 23:7 | “7 Porque, como imagina em sua alma, assim ele é…”

Isto não tem a ver com “pensamento positivo” como alguns confundem, mas sim, com ter uma imagem clara de quem é o Senhor e do que Ele nos prometeu. Voltando ao texto de Números nos deparamos com a conclusão a que aqueles homens chegaram:

NM 14:33 | “e éramos, aos nossos próprios olhos, como gafanhotos e assim também o éramos aos seus olhos”.

Em outras palavras como imaginaram em sua alma, (éramos como gafanhotos aos nosso próprios olhos) assim eram (e éramos aos seus olhos).

Claro que podemos — e vamos — sentir medo! Ele é uma reação natural de auto-preservação, no entanto, o que não podemos permitir é que o medo nos domine!

Abraão sentiu medo ao receber a promessa de que sua descendência seria incontável e não tinha sequer um herdeiro. Moisés sentiu medo ao recebeu a promessa de que seria o libertador de Israel e mal sabia falar. Ester sentiu medo quando recebeu o chamado como aquela que intercederia pelo povo de Deus e poderia ser morta. Jeremias sentiu medo quando foi chamado como profeta às nações e aos seus próprios olhos mal passava de uma criança.

Mas, nenhum deles deixou que o medo os dominasse, pois em algum momento tiraram seus de si mesmos e os voltaram Àquele que os estava chamando e alimentando suas promessas!

Começamos a nos tornar incapazes de vencer nossos desafios quando preferimos ouvir os homens a Deus!

Por isso o Senhor deixa tão claro que ao recebermos o espírito de adoção não vivemos mais atemorizados (RM 8:14); ou ainda que fomos libertos do império das trevas e agora fazemos parte do Reino do Filho do Seu amor, ao sermos cheios com seu perfeito amor todo medo é lançado fora! (1JO 4:18)

Não importa o tamanho do seu desafio ou de suas promessas, o que importa é que o Espírito Santo é quem te capacita a vencê-los e a vivê-los!

Só quem caminha pela fé, herda as promessas.

E vencer os desafios e viver suas promessas sempre vai depender:
• Da forma que você vê a Deus, sabendo que Ele é poderoso para fazer!
• Da forma que você se vê, sabendo que foi escolhido como filho e co-herdeiro de todas as promessas!
• Da forma que você se planeja, caminhando para o cumprimento de suas promessas!
• E de sua ação, se movendo em fé, baseado na Palavra do Senhor!

 

Anúncios
Duas Perspectivas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s